As 100 Descobertas e Invenções - Parte 2


27 - Microscópio (1683)
O holandês Antoine van Leeuwenhoek (1632 - 1723) aperfeiçoa o instrumento e passa a empregá-lo sistematicamente no estudo da biologia. Naquele ano, ele publica a primeira descrição de uma bactéria.
Isaac Newton - Invenção da Lei da Gravidade.28 - Lei da gravidade (1687)
O físico inglês Isaac Newton (1642 - 1727) publica sua grande obra, "Princípios Matemáticos da Filosofia Natural", reunindo conhecimento físico e rigor matemático. Ali, Newton descreve a lei da gravidade.
Edmund Halley - Descoberta29 - Órbita dos cometas (1705)
O inglês Edmund Halley (1656 - 1742) compara a trajetória de 24 bólidos que surgiram no céu entre 1337 e 1698 e demonstra que algumas aparições eram de um único corpo que voltava periodicamente. O cometa Halley, descoberto por ele, passou por aqui, da última vez, em 1986.
30 - Máquina a vapor (1712)
O inventor da máquina a vapor não é o escocês James Watt (1736 - 1819). Mas é ele que aperfeiçoa a engenhoca criada por Thomas Newcomen. Seja como for, a máquina traz a Revolução Industrial.
31 - Cálculo da longitude (1714)
Os navegadores guiavam-se pelas estrelas para saber se estavam rumando para o norte ou para o sul. Mas não tinham como conhecer sua posição em relação ao leste ou oeste. O inglês John Harrison (1693 - 1776) cria um relógio preciso que resiste ao balanço dos navios. Assim, os navegantes determinam seu fuso horário e
sua posição.
32 - Classificação dos seres vivos (1735)
O botânico sueco Carl von Linneé, ou Lineu (1707 - 1778), publica sua obra "Sistema da Natureza", com a classificação dos vegetais. Mais tarde, Lineu classifica também os reinos animal e vegetal.
33 - Eletricidade (1751)
Ao estudar os raios, o político e cientista americano Benjamim Frankin (1706 - 1790) propõe a existência de dois tipos de eletricidade, a positiva e a negativa - o que hoje se chama carga. A descoberta resulta no pára-raio.
34 - Enciclopédia (1751)
O primeiro volume da "Enciclopédia ou Dicionário Racional da Ciência", publicado em 28 de junho pelos franceses Denis Diderot (1713 - 1784) e Jean d'Alembert (1717 - 1783), é a primeira tentativa de se reunir todo o conhecimento num só lugar.
35 - Oferta e procura (1776)
Surge a teoria de que o mercado se regula por duas forças antagônicas - a de quem oferece e a de quem busca, apresentada pelo economista escocês Adam Smith (1723 - 1790) no livro "A riqueza das Nações".
36 - Oxigênio (1777)
O francês Antoine-Laurent Lavoisier (1743 - 1794) lança os fundamentos da química orgânica ao estudar como os átomos de oxigênio se combinam com outros para formar moléculas importantes para a vida terrestre. É dele a frase "Na natureza, nada se cria, nada se destrói; tudo se transforma".
37 - Leis do pensamento (1781)
O filósofo alemão Immanuel Kant (1724 - 1804) publica o livro "Crítica da Razão Pura", propondo que existe uma classe de conhecimentos que constituem verdades que não dependem de comprovação e que são necessárias para a compreensão do mundo.
38 - Torno (1797)
O engenheiro Henry Maudslay (1771 - 1831) aperfeiçoa o torno mecânico, utilizado na Europa desde o século XVI. Ele cria um mecanismo que mantém a ferramenta firme durante o trabalho, aumentando muito a sua precisão.
39 - Bateria elétrica (1800)
O físico italiano Alessandro Volta (1745 - 1827) faz uma corrente elétrica passar por um fio entre uma barra de zinco e outra de cobre, mergulhadas em dois recipientes com água salgada. Está criada a bateria elétrica.
40 - Hereditariedade (1809)
O naturalista francês Jean-Baptiste de Monet (1744 - 1829), Cavaleiro de Lamark, sugere que os animais transmitem a seus descendentes características adquiridas pelo uso. Darwin derrubou essa idéia, mas ela é usada ainda hoje para explicar a transmissão de cultura.
41 - Informática (1821)
O primeiro a sonhar com o computador foi o matemático inglês Charles Babbage (1791 - 1871). Ele projeta um equipamento que receberia instruções por meio de cartões perfurados e guardaria os resultados das operações numa memória. A máquina jamais foi construída.
42 - Sociologia (1826)
O francês Auguste Comte (1798 - 1857) se convence de que era possível estudar as sociedades como se estudam Física e Biologia. Cria a Sociologia a partir de seu sistema de filosofia positiva.
43 - Geometria não-euclidiana (1829)
O matemático russo Nikolai Lobachevsky (1792 - 1856) desafia a geometria do grego Euclides, em 300 a.C., e funda uma nova disciplina em que é possível fazer passar infinitas retas paralelas por um único ponto. Essa geometria estranha está por trás de teorias físicas modernas, como a da relatividade.
44 - Telégrafo (1835)
Os americanos Joseph Henry (1797 - 1878) e Samuel Morse (1791 - 1872) desenvolvem o primeiro telégrafo.
45 - Fotografia (1839)
O francês Louis-Jacques-Mandé Daguerre (1787 - 1851) é o pai dessa invenção, que modificou a compreensão da História, a ciência e os costumes de toda a humanidade. Em 1888, o americano George Eastman criaria a câmera de filme em rolo, a primeira Kodak.
46 - Leis do eletromagnetismo (1839)
O inglês Michael Faraday (1791 - 1867) elabora a teoria de que a eletricidade e o magnetismo criam os chamados campos magnéticos em torno de ímãs e correntes elétricas.
47 - Anestesia (1842)
Nesse ano, o médico americano Crawford Long (1815 - 1878) usa pela primeira vez o éter como anestésico geral durante uma cirurgia.
48 - Termodinâmica (1843)
O alemão Hermann von Helmholtz (1821 - 1894) unifica os estudos anteriores sobre o calor e elabora a primeira lei da termodinâmica, segundo a qual a energia não pode ser criada nem destruída.
49 - Zero absoluto (1848)
O irlandês William Thomson, Lorde Kelvin (1824 - 1907), determina até que ponto um corpo pode se resfriar. O zero absoluto - a temperatura na qual todas as partículas param de vibrar - é de 273,15 graus Celsius negativos.
50 - Sistema binário (1854)
Ao criar um sistema de numeração usando apenas os algarismo zero e um, o inglês George Boole (1815 - 1864) não imaginou que isso seria a chave da computação. Para os computadores atuais, números e caracteres são escritos assim: o dois é 10, o três, 11 e o quatro, 100.
Charles Darwin51 - Evolução das espécies (1859)
Os ingleses Charles Darwin (1809 - 1882) e Alfred Wallace (1823 - 1905) concluem que as espécies evoluem não pela herança de caracteres de seus antecedentes, mas pela seleção natural e pelas mutações ao acaso. Nesse ano, Darwin publica sua obra "Sobre a Origem das Espécies".
52 - Forças da natureza (1865)
Até o escocês James Maxwell (1831 - 1879), o Universo exibia três forças: gravidade, magnetismo e eletricidade. O físico inglês demonstra que as duas últimas constituem uma única força.
Gregor Mendel53 - Genética (1865)
O monge austríaco Gregor Johann Mendel (1822 - 1884) cria a idéia de gene, ao estudar os diferentes tipos de ervilhas que nasciam de sucessivos cruzamentos.
54 - Luta de classes (1867)
O filósofo alemão Karl Marx (1818 - 1883) publica "O Capital", afirmando que o que move as sociedades é a luta de classes. A teoria fundamentou os governos comunistas do século XX e até hoje é usada para explicar a história da humanidade.

Veja a parte 3 das 100 invenções e descobertas da História. Ou volte para a parte 1.


Não encontrou? Pesquise abaixo!